Como funciona o Minha Casa Minha Vida? Aprenda Aqui!

O Brasil ainda é conhecido como um dos países com a maior quantidade de desigualdade social do mundo inteiro, principalmente pelo acúmulo de riquezas dos ricos e pela falta do mínimo para os mais pobres.

Dessa forma, vários programas de distribuição de renda e demais funções foram desenvolvidos para melhorar a vida de todos. O Minha Casa Minha Vida 2021 é um dos mais procurados por quem quer ter sua casa própria, com juros reduzidos e pela possibilidade de realizar o pagamento em várias parcelas.

Ficou curioso para saber como funciona esse programa? Veja aqui informações sobre quem pode se inscrever, quais são os pré requisitos e demais informações.

Como funciona o Minha Casa Minha Vida 2021?

O Minha Casa Minha Vida é um programa do governo federal desenvolvido com o objetivo de facilitar o financiamento da casa própria para todas as pessoas que possuem uma renda salarial baixa. Dessa forma, é possível realizar o pagamento de forma mensal, que não vai comprometer as contas já fixas que costumam chegar todos os meses.

Ademais, o valor de entrada que geralmente é obrigatório nesse tipo de negócio, é bem mais em conta do que o comum. Esse programa é gerenciado pela Caixa Econômica Federal, mas vale lembrar que o Banco do Brasil também realiza o gerenciamento do mesmo.

Não são todas as pessoas que podem participar desse programa. Primeiro, é preciso que o imóvel seja novo, além de que o valor do FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), que irá impactar diretamente no valor de financiamento, veja abaixo como funciona esse limite:

  • Até R$225 mil: válido para localidades e região metropolitana de São Paulo, Distrito Federal e Rio de Janeiro. 
  • Até R$200 mil: designado para as regiões metropolitanas e capitais de Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Minas Gerais.
  • Até R$180 mil: válido para o demais cidades, menos para aquelas com menos de 20 mil habitantes. 
  • Até R$90 mil: valor direcionado para municípios com menos de 20 mil habitantes.

Agora que você já sabe como funciona esse parcelamento, pode já começar a se programar para qual é aquele que se enquadra melhor na cidade em que vive ou tem a intenção de morar futuramente.

Existem também regras para os participantes que querem participar do programa, são elas:

  • Não ter recebido outro benefício habitacional do governo ou de outros estados; 
  • Não ser registrado no Cadastro Nacional de Mutuários; 
  • Não possuir um imóvel; 
  • Não fazer parte do Programa de Arrendamento Residencial; 
  • Não ter nenhum tipo de financiamento habitacional ou de materiais de construção; 
  • Não ter registro no Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal; 
  • Não ser empregado nem casado com algum funcionário da Caixa.

As rendas também são divididas para facilitar o pagamento de quem interesse no serviço, além disso, caso seja necessário, é possível alterar os dias de pagamento pré programas, principalmente para quem tem uma data de pagamento fora do comum.

Que tal começar a se preparar e investir em sua casa própria?

Author: lite92fm